• Español
  • Português
Home RECYT Apresentação
Apresentação PDF Versão para impressão

A criação da RECyT – Reunião Especializada em Ciência e Tecnologia do MERCOSUL foi sugerida pelos presidentes dos Estados Parte durante a segunda reunião do Conselho Mercado Comum – MCC, realizada em junho de 1992, em Las Leñas, na República da Argentina. Sua criação se efetivou na quinta reunião do Grupo Mercado Comum – GMC, realizada em Buenos Aires, por meio da Resolução 24/1992.

A RECYT tem como objetivo  central a promoção do desenvolvimento científico e tecnológico dos países-membros do MERCOSUL assim como de modernizar suas economias para ampliar a oferta e a qualidade dos bens e serviços disponíveis, a fim de melhorar as condições de vida de seus habitantes. Suas ações estão estruturadas no sentido de aumentar a produtividade das economias do MERCOSUL e aumentar a competitividade dos segmentos produtivos do MERCOSUL em terceiros mercados.

A atuação da RECyT no campo internacional se caracteriza pela participação em negociações em diversos foros, como no âmbito das negociações MERCOSUL – União Européia sobre temas relativos à ciência e tecnologia. Nesse campo foram definidas áreas de interesse para a cooperação e foram aprovadas diretrizes para o Programa de Cooperação entre os blocos de países, cuja ênfase se dá no estabelecimento de uma cooperação ampla e abrangente, tendo em vista a promoção do desenvolvimento econômico e social da região e o foco no desenvolvimento do capital humano.

No plano regional, um dos principais campos de atuação da RECyT é a promoção e o incentivo da pesquisa em todos os níveis, apontando a busca de soluções de problemas comuns aos países da região e buscando contribuir assim para o processo de integração regional. A RECyT promove também a difusão de informação sobre as realizações e os avanços no campo científico e tecnológico para todos os países membros e a definição de campos de conhecimento (áreas temáticas) e setores prioritários com vistas a identificas e solucionar problemas de um determinado setor ou região e organizar plataformas (foros onde as partes interessadas da sociedade se reúnem para identificar os gargalos ligados a um determinado setor ou região para definir ações prioritárias com o fim de eliminá-los)

 
Ir a top